O que é Cigarro Eletrônico

Postado por Vape Poa em

O cigarro eletrônico é um aparelho cujos principais componentes são uma pequena bateria, um atomizador (resistência parecida com as de chuveiro ou de torradeira em miniatura) e um recipiente onde vai um líquido, geralmente com nicotina e sabor, porem para todos nossos cliente fica a recomendação dos líquidos sem nicotina o qual chamamos sempre de líquidos saudáveis em nossa loja virtual que evapora e pode ser tragado igual a fumaça de um cigarro. Simples assim.

Na prática, no entanto, ele pode ter vários formatos, tamanhos, potências (elétricas e nicotínicas) e sabores diferentes, conforme o gosto do cliente, mas o princípio básico é sempre o mesmo.

Foi inventado na China, por volta de 2003/2004 e, apesar de ainda ser pouco conhecido pela maioria da população (inclusive dos fumantes), vem sendo usado e reconhecido por muitos como o método mais eficaz já inventado para reduzir ou mesmo parar o consumo do tabaco.

Sua superioridade sobre quaisquer outros métodos pode ser comprovada através das dezenas de comunidades com milhares de entusiastas no mundo inteiro (inclusive no Brasil) que participam de fóruns, blogs e redes sociais, trocando experiências e dando depoimentos de como suas vidas mudaram depois de conhecerem os cigarros eletrônicos ou vaporizadores como também são chamados. Já se fala em milhões de pessoas que trocaram a fumaça pelo vapor do cigarro eletrônico.

Só algumas autoridades governamentais e fanáticos ideológicos se negam a reconhecer isso (mas as industrias tabagistas e farmacêuticas, de reposição de nicotina, sabem muito bem e estão receosos de perder seu mercado e financiam esses indivíduos e associações).

O cigarro eletrônico não produz fumaça e sim vapor, pela evaporação de um líquido que contém duas substâncias encontradas em vários alimentos e medicamentos que consumimos diariamente: o propilenoglicol e a glicerina vegetal. Diferente do cigarro tradicional, que queima o tabaco e produz uma fumaça que tem milhares de substâncias e partículas prejudiciais à saúde em geral e aos pulmões em particular, o cigarro eletrônico produz um vapor quase estéril. Sua “fumaça” não tem praticamente nenhuma partícula prejudicial. Até uma pesquisa da FDA sobre a presença de nitrosaminas já foi considerada errônea.

O cigarro eletrônico quase não tem cheiro e não incomoda nem prejudica os não-fumantes, além de ter centenas de sabores muito mais gostosos do que o dos cigarros, charutos e cachimbos.

A diferença entre o cigarro e o cigarro eletrônico é parecida com a de você entrar numa casa que está incendiando ou numa sauna a vapor. Todas as duas estão cheias de fumaça.


Compartilhe esta postagem



← Post anterior Post seguinte →


1 comentário

  • Gostei muito das explicações. Uma sugestão: em quais aparelhos se pode usar juices com ou sem nicotina . Obrigada

    Marilene B Barbosa em

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados.